Publicações de 1 a 10 de um total de 15

  1. 1
  2. 2
Direção Ascendente

Administrar uma clínica odontológica requer uma série de conhecimentos que vão além das suas competências técnicas adquiridas ao longo da faculdade, da especialização e da experiência como dentista. Como todo negócio, é precisa administrá-la com eficiência, pensar em todas as vertentes que impactam no sucesso do seu empreendimento: finanças, gestão de pessoas, satisfação do cliente, entre outras.

Como se trata de uma rotina bastante puxada, é comum cometermos alguns erros que até podem parecer insignificantes, mas que, quando somados, podem impactar significativamente nos resultados. É sobre estes erros que vamos falar neste post.

 

Finanças pessoais e empresariais misturadas

Você até pode ser o único dentista do consultório, mas tratar finanças pessoais e do consultório como uma só pode trazer vários problemas. Do ponto de vista pessoal, você pode investir dinheiro seu no consultório e acabar perdendo o controle das contas, endividando-se em virtude do negócio.

Do ponto de vista do consultório, você pode perder a noção de quanto retira do negócio e prejudicar sua performance financeira e a continuidade da clínica por estar gastando o lucro obtido com despesas pessoais.

 

Quantidade em detrimento da qualidade

Faturar é o objetivo de qualquer empreendimento, mas não significa que você deva comprometer a qualidade do atendimento ao paciente só para ganhar mais. Dimensione o tempo necessário para cada procedimento e baseie sua agenda nesta estimativa.

Uma simples avaliação leva 15 minutos, mas uma restauração pode levar 1 hora. Quando você tem noção do tempo dedicado a cada procedimento pode otimizar o seu tempo e o dos pacientes, evitando atrasos nas consultas, fator chave para a satisfação do paciente.

 

Falta de atualização nas técnicas e procedimentos

A odontologia avança a passos largos, assim como várias outras áreas de conhecimento que dependem de pesquisa e desenvolvimento para se manterem atualizadas. Se você não se mantém informado a respeito das inovações do mercado, acaba perdendo competitividade e deixa de atender bem aos seus pacientes.

Já pensou se ainda extraíssemos dentes por qualquer motivo? E se esse procedimento fosse feito com um alicate, sem qualquer tipo de preparo? Pois é justamente aí que mora o perigo da não atualização de técnicas e procedimentos. Se você pode tornar a vida dos seus pacientes mais fácil e agradável, por que não investir em novas soluções?

 

Recepção para “inglês ver”

Uma recepção linda, com móveis confortáveis e TV de 42 polegadas são ótimos chamarizes, mas não garantem a satisfação do cliente quando a recepcionista demora para atender ao telefone, está sempre ausente da mesa e não dá nenhum tipo de atenção para quem está à espera.

A recepção é a primeira impressão que fica guardada na memória do paciente, portanto, capacite suas recepcionistas e dê-lhes as ferramentas adequadas para promover um trabalho de excelência. Relacionamento com o cliente é essencial para que ele volte e se torne fiel à sua clínica.

 

Relacionamento zero

Como dissemos anteriormente, relacionamento é essencial para manter os pacientes sempre próximos. Mas ainda existem dentistas que tratam os pacientes com impessoalidade, sem se preocuparem efetivamente se eles terminarão o tratamento ou voltarão no próximo semestre para o acompanhamento.

Ao invés de pensar só no momento atual, pense no longo prazo. Estabeleça um canal de contato periódico com seus pacientes, o que pode ser feito por meio do e-mail marketing ou mensagens de SMS. Envie dicas, lembretes de retorno, conteúdos que sejam do interesse da sua clientela. Demonstre que você se preocupa com a saúde dos pacientes e ajude-os a prevenir doenças bucais.

Você concorda que esses erros podem minar a reputação da sua clínica e comprometer o sucesso do seu empreendimento? Comente!

Publicado em Novidades Por Presoti Comunicacao

Um dos grandes desafios de um consultório odontológico é manter a produtividade em alta, sem perder a qualidade e a pessoalidade dos atendimentos. Para manter um fluxo de pacientes que seja saudável para o profissional e, ao mesmo tempo, rentável para a clínica é preciso estar sempre atento às inovações do mercado.

Desenvolvido na Argentina, o BRIX3000 é um produto inovador que consegue remover a carie sem o uso da broca, o terrível e barulhento “motorzinho” usado há anos pelos dentistas durante o tratamento. Criado através da papaína substancia extraída do mamão, o BRIX3000 é uma conquista para a odontologia, proporcionando um tratamento rápido, prático, indolor, confortável e de baixo custo. Em função disso, a novidade já é comemorada por dentistas e consumidores. 


Sem contraindicações, o tratamento odontológico com o BRIX3000 pode ser utilizado em pessoas de todas as faixas etárias. Alexandre Magno, dentista especialista em odontologia, exalta a novidade que impacta positivamente a rotina do trabalho da categoria de dentistas. Para ele a praticidade é uma das maiores conquistas do tratamento, além do conforto proporcionado para o paciente. "O BRIX3000 ajuda muito no dia a dia do dentista. Seus pontos positivos são sem dúvida uma conquista revolucionária. O produto diminui o tempo de tratamento, e por isso aumenta a produtividade dos dentistas, já que em varias casos dispensa o uso de anestesia e da broca, tornando o tratamento mais rápido", explica o especialista. 

Apesar do que muitos imaginam, a chegada do BRIX3000 não será o fim da broca. Para os dentistas, ainda está distante a sua extinção, se é que isso ainda acontecerá. Alexandre Magno explica que o produto feito com a base de papaína auxilia no tratamento da cárie e em alguns casos dispensa o uso da broca, mas ela ainda é essencial na restauração do dente em vários tratamentos. "Em algumas circunstâncias o BRIX3000 trabalha junto com a broca, em outras poderá substitui-la, mas em alguns casos o uso do "motorzinho” é indispensável como por exemplo, no tratamento de cárie no esmalte do dente. Esta não pode ser tratada com o produto inovador, já que ele não reage no esmalte do dente. Há também outros casos em que superficialmente a cárie não apresenta sua profundidade, então nesses casos, “o uso da broca é acompanhado pelo BRIX3000", esclarece o doutor. 

O BRIX3000 está sendo importando da Argentina e distribuído no Brasil pela Orto Dente.  Baixe nosso ebook e conheça mais sobre o produto!

 

Publicado em Novidades Por Presoti Comunicacao

A cárie é um problema na saúde bucal que pode gerar diversos outros problemas graves de saúde se não tratada. Ainda que o Brasil nos últimos anos tenha investido mais nessa área e contribuído para a melhoria da saúde bucal da população, a situação ainda é preocupante. Nos registros oficiais, observa-se uma grande quantidade de bebês de um ano e meio a três anos que já têm um dente cariado. Entre todas as crianças em idade escolar, 60 a 90% delas têm ou já tiveram cáries, isso significa mais de 1 milhão e 600 mil crianças com cárie antes dos 12 anos de idade.

 

O Ministério da Saúde possui um programa social chamado Brasil Sorridente, que já é o maior programa de assistência odontológica pública e gratuita do mundo. Desde que foi lançado, o programa aumentou em 15 vezes a quantidade de atendimentos à população: um aumento de 10 milhões para 150 milhões de consultas por ano. O número de pacientes assistidos pelo programa também cresceu consideravelmente, passando de 18,2 milhões de brasileiros para 92 milhões após o programa.

 

No entanto, essa assistência ainda é insuficiente em função da consulta ser baseada em um modelo muito caro, que foca em ações curativas em detrimento das ações preventivas. Para mudar esse cenário, se faz necessário a incorporação de novas tecnologias que otimizam tempo, recursos e são mais eficazes.

 

O BRIX3000

 

O BRIX3000 foi criado na província de Santa Fé, na Argentina, após quatro anos de pesquisas e ensaios. Trata-se de um gel fabricado a partir de uma enzima (papaína) presente nas folhas e frutos da papaya verde (Carica papaya), cultivada em países tropicais como o Brasil. A papaína consegue amolecer as fibras de colágeno dos dentes cariados, facilitando a remoção das cáries.

 

A aplicação do produto dura apenas dois minutos e já se pode remover a cárie com facilidade, para então realizar a restauração de rotina. Uma das grandes vantagens do BRIX3000 é a rapidez do tratamento, além de ser indolor e fácil de manusear e também dispensar o uso de anestesia.

 

E como o BRIX3000 pode ajudar nas políticas públicas de saúde?

 

Por ser um produto tópico de fácil manuseio e aplicação, a utilização do BRIX3000 dispensa o uso de equipamentos complexos e caros, naturais de consultórios odontológicos. Além disso, a agilidade que ele permite ao dentista tratar a cárie, faz com se possa realizar mais consultas no mesmo dia.

Outra vantagem é que o BRIX3000 permite que o dentista trate mais de uma cárie por vez, sem causar qualquer tipo de desconforto ao paciente, trazendo ainda mais produtividade aos atendimentos e permitindo que mais pessoas sejam assistidas.

A bisnaga do BRIX3000 de 3ml custa aproximadamente R$ 290 e trata em média 45 cáries. Sendo assim, cada escariação tem um custo aproximado de R$ 6,40 por dente. Isso faz com que o tratamento seja muito mais acessível, inclusive para populações carentes. Além disso, a utilização de um gel prático como esse se torna importante no tratamento de pessoas que moram em lugares remotos, em áreas rurais ou indígenas.

 

Segundo o dentista Leonardo Ubaldo, que atende em uma clínica em Belo Horizonte, a economia de tempo e com os aparelhos tem sido uma grande vantagem em seu consultório. Segundo ele, o resultado do gel foi muito bom, podendo usar em diferentes níveis de profundidade das cáries.  “Tenho usado em todas as situações. Há a economia de tempo, por exemplo, porque não preciso esperar a anestesia fazer efeito. Um procedimento que durava até uma hora e meia agora realizo em 40 minutos”, ressalta.

 

O único caso em que o gel não é indicado é no tratamento de canal. Segundo Alexandre Magno, consultor técnico da Orto Dente, quando a dor é intensa e espontânea, o produto não deve ser utilizado.

 

O BRIX3000 já é utilizado na América do Sul a cerca de cinco anos, mas só chegou agora no Brasil devido ao rígido controle da ANVISA.

 *Fotografia By pressfoto / Freepik

Publicado em Novidades Por Presoti Comunicacao

A dentística restauradora é a área da odontologia que trata da recuperação de dentes danificados. De uma simples cárie até a extração de um nervo ou qualquer deformidade que o dente venha a ter em decorrência de uma intervenção, é de responsabilidade do especialista nesta área recuperar o dano e deixar o dente o mais próximo possível com o natural, mantendo suas funções.

Para tanto, existem dois procedimentos: a restauração e a obturação dentária. Parece fácil distinguir um do outro, mas nem sempre fica claro qual é o papel de cada procedimento dentro do consultório. Que tal tirarmos todas as dúvidas?

 

Obturação dentária

A obturação é um procedimento que visa reconstruir o dente cariado ou que sofreu perda de alguma estrutura, como um nervo, por exemplo. Durante o tratamento dentário, o dentista é forçado a retirar parte deste dente e, logo após, recuperá-lo de forma que ele venha a se manter funcional para o paciente e com uma estética adequada.

O intuito é cobrir a área tratada para livrá-la de bactérias e infecções que possam piorar o quadro do paciente e levá-lo à perda do dente ou ainda complicações ainda mais sérias.

A obturação é feita, frequentemente, com amálgama, um tipo de metal cinza. A eficiência do material é excelente, sendo durável por vários e vários anos. No entanto, esteticamente pode comprometer a autoestima do paciente. Por exemplo, uma obturação que seja feita em um dente que fica visível sempre que o paciente sorri pode deixá-lo envergonhado.

 

Restauração dentária

A restauração é praticamente igual à obturação, é realizada em decorrência de um tratamento dentário que prejudica a estrutura do dente, criando a necessidade de recuperação do mesmo. No entanto, a restauração é feita com resina, uma massa branca quase igual à cor do dente, o que preserva a estética e deixa o paciente mais satisfeito com o resultado final.

A restauração também pode ser feita em dentes quebrados, devolvendo ao paciente tanto a função do dente quanto a autoestima com um belo sorriso.

 

BRIX3000 pode reduzir a necessidade de obturação

Todo procedimento de extração de cáries é um tanto quanto invasivo e deixa sequelas que devem ser tratadas por meio da obturação ou restauração dentária. Muitos pacientes evitam ir ao dentista para o tratamento de cáries justamente pelo incômodo da anestesia e da força que o profissional tem que aplicar para retirar a cárie, o que acaba aumentando ainda mais o problema.

Atualmente, existe um novo procedimento para extração de cáries que pode acabar com essa situação: o uso de BRIX3000, um gel que, quando aplicado à área afetada, amolece a cárie, facilitando a extração da mesma com simples raspagem.

Como o buraco que fica após o tratamento é bem menor, o dentista pode simplesmente aplicar a resina e realizar a restauração, evitando que o paciente tenha que ter o dente preenchido com amálgama.

Além de tornar o procedimento bem menos doloroso para o paciente, o tempo de atendimento é reduzido consideravelmente, já que o BRIX3000 age em apenas dois minutos. A quantidade de cáries extraídas a cada atendimento é maior, reduzindo também o tempo de tratamento do paciente.

É mais economia e produtividade para o dentista e maior satisfação para o paciente, por isso, muitos profissionais já estão utilizando esta técnica.

Agora que você já sabe a diferença entre restauração e obturação dentária, que tal conhecer melhor o BRIX3000?

Publicado em Novidades Por Presoti Comunicacao

Os dados são expressivos: de acordo com a OMS - Organização Mundial da Saúde, 10% da população mundial é portadora de algum tipo de deficiência e a maioria mora em países subdesenvolvidos ou em desenvolvimento. O IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, no Censo de 2010, revelou que 45 milhões de pessoas no Brasil possuem algum tipo de necessidade especial. Isso significa 24% da população brasileira.

 

No campo da odontologia, considera-se um paciente especial todo aquele que apresente uma ou mais limitações, temporárias ou permanentes, de ordem mental, física, sensorial, emocional, de crescimento ou médica, que o impeça de ser submetido a uma situação odontológica convencional. O profissional que trabalha nessa área deve ser capacitado para tomar as medidas necessárias ao bem-estar do paciente, bem como, desenvolver uma sua sensibilidade, para criar empatia com ele e desenvolver confiança.

 

Com a epidemia do Zika Virus, as crianças que nascem com microcefalia são consideradas pacientes especiais. A microcefalia é uma doença rara em que a cabeça e o cérebro da criança ficam menores do que o usual para a sua idade. Essa doença é geralmente diagnosticada ainda bebê e influencia diretamente no desenvolvimento mental da criança.  

 

E são poucos os profissionais que se dispõe a atuar nesse segmento. No Conselho Federal de Odontologia eram registrados em 2014 apenas 535 profissionais especialistas em pacientes com necessidades especiais. Segundo Lia Castilho, especialista na área e professora da Faculdade de Odontologia da UFMG, esse é um mercado muito bom, porém em Belo Horizonte não tem um curso de especialização, o que acaba inibindo a formação de novos profissionais especialistas.

 

Desafios na cadeira do consultório

 

No dia a dia, quem opta por atuar nessa área enfrenta alguns desafios quando precisa estabilizar o paciente na cadeira odontológica. Quando o paciente apresenta um comportamento agitado, o profissional pode lançar mão de diversas técnicas, desde o simples condicionamento verbal até a contenção física. Em alguns casos é preciso contar com o apoio dos familiares ou de medicamentos anestésicos e sedativos.

 

 

 

Além disso é preciso evitar procedimentos que possam desencadear outros problemas como crises convulsivas, que podem ser geradas com focos de luz desregulados e acesos abruptamente ou, por exemplo, cortes com espelhos em pacientes que apresentam problemas de movimentos involuntários.

 

BRIX 3000

 

Muitos pacientes especiais encontram-se no grupo de alto risco para o desenvolvimento de cáries e doença periodontal. Isso provém de diversas razões como por exemplo, a falta de habilidade motora para escovação e higienização da boca, o uso de medicamentos que levam à redução do fluxo salivar, entre outros. Alguns distúrbios neuropsicomotores, podem desenvolver sérios problemas de oclusão em função principalmente da flacidez muscular, levando a alterações na relação maxilomandibular.

 

No tratamento de cáries, especificamente, a Orto Dente traz ao Brasil uma novidade que pode ser muito útil aos pacientes: o BRIX3000. Trata-se de um gel enzimático proveniente da Papaína, que remove completamente as cáries em dois minutos, sem a necessidade da anestesia pois, não há dor.  Basta aplicar o gel no tecido cariado, aguardar dois minutos e remover completamente o tecido necrosado com movimentos pendulares e sem pressão. Certamente, uma facilidade para os pacientes especiais que não precisarão enfrentar o motorzinho, diminuindo o stress e eliminando o trauma.

 

Além disso, o BRIX3000 pode ser aplicado a vários pontos de cárie de uma única vez, resolvendo o problema rapidamente e evitando que o paciente tenha que voltar várias vezes ao dentista para o tratamento de cáries.

 

Ficou curioso? Saiba mais sobre o BRIX300, aqui.

 

Publicado em Novidades Por Presoti Comunicacao

Você já viu aqui no blog os diversos benefícios do BRIX3000, o gel enzimático que remove as cáries em dois minutos e sem dor. O sucesso do produto é tanto que ele já está autorizado em quatro países e está em processo de registro em outros 14. Saiba mais a seguir:

 

Boa aceitação na América Latina

 

O BRIX3000 é um gel fabricado pelo laboratório Brix SRL a partir de uma enzima presente na papaya verde (Carica papaya). Essa enzima tem a capacidade de amolecer as fibras de colágeno dos dentes cariados, facilitando a remoção das cáries. Isso permite um tratamento sem traumas, sem dor e muito rápido e eficaz.

 

O produto já foi autorizado por organizações oficiais como ANMAT na Argentina, pelo INVIMA da Colômbia, pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) do Brasil, pela ARCSA (Agência Nacional de Controle de Medicamentos) e pelo Control e Vigilancia Sanitaria do Equador.

 

Na Argentina, país onde o produto foi desenvolvido, o sucesso foi grande. "O produto foi muito bem recebido pelos colegas, uma vez que, se apresentou mais eficaz que a broca na remoção das cáries, muito mais rápido (cerca de dois minutos) e confortável para o paciente", diz Fernando Varea, Doutor em Odontologia pela Universidade Nacional de Rosário. O gel é aplicável em "mais de 85% dos casos de cárie, exceto em lesões profundas ou aqueles que necessitam de um tratamento de canal", diz ele.

 

O Dr. Galo Beltran Citelli, Odontopediatra do Equador, já experimentou o BRIX3000 e garante que o produto é “30 mil vezes mais poderoso que a concorrência”. Segundo ele, a aceitação entre seus pacientes foi muito boa, porque as crianças não sentem dor, é um tratamento rápido e, por isso, eles saem satisfeitos e voltam ao consultório regularmente.

 

A Dra Adriana Guzman Noreña, da Colômbia, também é fã do BRIX3000 e afirma que este é um produto de alta tecnologia porque as enzimas são bio-encapsuladas - uma inovação do laboratório Brix SRL - que permite que se elimine e/ou reduza ao máximo o uso da broca para o tratamento de cáries. “Com esse tipo de produto se pode evitar traumas em crianças. E pacientes adultos que já possuem traumas passados também podem usufruir dessa técnica porque perdem o medo da odontologia”, afirma.

 

Logo, o produto deverá ser amplamente utilizado na América Latina, pois está em processo de autorização pelos órgãos competentes no México, Costa Rica, Peru, Bolívia, Guatemala, Nicarágua, Honduras, Chile, Paraguai, Venezuela, Panamá e El Salvador. Pensando em um mercado global, o gel foi patenteado e está em processo de aprovação nos Estados Unidos e na Comunidade Europeia.

 

Veja também: Livre de cáries sem motorzinho

Tags:

Publicado em Novidades Por Presoti Comunicacao

Durante a gestação, a mulher sofre diversas mudanças físicas, hormonais e psicológicas, as quais podem influenciar diretamente no tratamento odontológico. É por esse motivo que a gestante é considerada uma paciente de risco temporário e deve receber um tratamento diferenciado por parte dos profissionais de odontologia.

Acontece que, segundo Capucho et al. (2003), 100% dos profissionais de odontologia têm dúvidas em relação ao tratamento dentário em gestantes, pois existem muitos detalhes a serem observados ao administrar um tratamento que não afete o bebê. Neste post você saberá quais cuidados são estes e como o BRIX3000 pode reduzir os riscos de complicações. Acompanhe-nos!

Uso de medicamentos em gestantes

Já existem casos comprovados que o uso de analgésicos e anti-inflamatórios não-esteróides podem afetar a gestação, causando hemorragias na mãe e no feto. Medicamentos como aspirina, AAS, ibuprofeno, entre outros, devem ser evitados para que não haja consequências graves, como hipertensão pulmonar fetal e retardo do crescimento do feto.

Deve-se administrar medicamentos que tenham maior dificuldade de transpor a parede uterina, como paracetamol e prednisolona, por exemplo. O ideal é sempre consultar o obstetra responsável pelo acompanhamento da mãe e do bebê para saber o histórico da paciente e assim oferecer um tratamento personalizado.

Em relação aos antibióticos, não existe comprovação de que tenham qualquer efeito sobre a paciente grávida, portanto, o tratamento de infecções bacterianas pode ser realizado sem medo.

Radiografia na gravidez

Durante o primeiro trimestre é contraindicado realizar radiografias em gestantes porque o impacto da radiação pode afetar o bebê. Sendo imprescindível a realização do exame, a mãe deve estar devidamente protegida com avental de chumbo para evitar qualquer efeito negativo.

Tratamento de cáries em pacientes grávidas

Durante a gestação, a mulher já sofre deficiência de cálcio, o que leva 48,75% das grávidas a desenvolverem cáries neste período. E, como sabemos, as cáries devem ser tratadas com o máximo de urgência para que não se transformem em problemas maiores.

É aqui que o BRIX3000 pode facilitar o trabalho do dentista e conferir maior segurança à futura mãe: a extração da cárie ocorre sem nenhum tipo de dor ou ferimento. O dentista aplica o gel sobre a cárie, aguarda dois minutos e faz uma raspagem simples. O processo se repete por duas ou três vezes conforme a necessidade.

Por mais que as anestesias locais não interfiram na gestação e não causem nenhum tipo de problema à mãe ou ao bebê, geram certa tensão na paciente, o que pode levar ao aumento da pressão arterial, tontura, entre outros sintomas de cunho psicológico.

Com o uso do BRIX3000, a anestesia é dispensada e o tempo de tratamento, que costuma ser de pelo menos uma hora no consultório odontológico, fica reduzido a poucos minutos, poupando a paciente.

Higiene bucal

É importante que o dentista oriente as pacientes quanto à correta higiene bucal durante a gravidez, especialmente pela mudança de dieta e períodos de maior sono e cansaço, quando os hábitos de higiene tendem a ser deixados um pouco de lado.

Quem possui problemas frequentes, como gengiva inflamada, sensibilidade e dor de dente, deve ter um acompanhamento mais próximo, visando evitar sempre procedimentos mais invasivos e que possam minar a estabilidade física e emocional da paciente.

Que tipo de orientações você dá a uma paciente que está grávida? Gostaria de deixar seu comentário e acrescentar sua experiência ao nosso artigo?

Publicado em Novidades Por Presoti Comunicacao

Para utilizar as enzimas nos tratamentos de saúde, é preciso manipula-las para que elas ajam conforme o esperado. Uma das maneiras de fazer isso é encapsulando as enzimas, isto é, imobilizando-as dentro de um envoltório especial. Hoje, existem diversas técnicas que fazem isso, mas nenhuma é tão efetiva e moderna quanto a Tecnologia E.B.E. Entenda por que:

 

A Tecnologia E.B.E

 

A Tecnologia E.B.E é uma técnica de bio-encapsulamento que imobiliza as enzimas e confere estabilidade, aumentando a atividade das mesmas. Essa é uma técnica exclusiva da Brix Medical Science, que produz um gel com o PH otimizado para imobilizar corretamente as enzimas e libera-las no momento de exercer proteólise em colágeno, aumentando sua atividade em 50% a 60%.

 

A tecnologia foi desenvolvida para o produto BRIX3000, um gel dental que remove as cáries de maneira não traumática, utilizando a papaína como princípio ativo.

 

Veja mais sobre o BRIX3000 aqui

 

Utilizando a Tecnologia E.B.E, obtém-se uma elevada eficácia proteolítica no tecido necrótico para remoção das fibras colágenas no tecido cariado. Além disso, essa tecnologia garante menor dissolução do princípio ativo por fluidos orais, maior resistência ao armazenamento, mesmo em condições desfavoráveis, ​​sem necessidade de preservação da cadeia fria e maior ação antibacteriana e antifúngica com um aumento no seu poderoso efeito antisséptico no tecido.

 

Outro ponto é que em função dessa metodologia inovadora de encapsulamento, o BRIX3000 é um gel inócuo, 100% desprovido de toxicidade, o que significa que não provoca qualquer tipo de reação quando entra em contato com tecido saudável: língua, gengivas, dentina saudável, pele, nem mesmo quando ingerido. Os testes de irritação dérmica foram realizados em 2.163 pacientes com idade variando de 6 a 17 anos e de 35 a 70 anos com diversos tipos de cárie e avanço do processo infeccioso, demonstrando que o BRIX3000 não provoca danos ao paciente devido à ação seletiva do gel; Isto é, ele apenas atua sobre tecido necrótico e perde a sua capacidade enzimática quando entra em contato com tecido saudável.

 

Esta e outras características, somadas ao fato de sua concentração ser de 3000 U / mg, fazem do BRIX3000 um produto médico único e inovador no mundo, criado e patenteado mundialmente pela Brix SRL. Vale ressaltar que a patente nacional e internacional do BRIX3000 e da Tecnologia E.B.E., em conjunto com os registos e autorizações são propriedade exclusiva do Laboratório Brix SRL.

 

Benefícios da Tecnologia E.B.E

 

  1. Permite a alta concentração de enzimas
  2. Aumenta a proteólise das enzimas
  3. Não requer refrigeração
  4. Reduz o tempo de remoção do tecido necrótico
  5. É uma tecnologia atraumática para o paciente

 

 

Veja também:

BRIX 3000: Seguro e Inovador

Ortodente sai na frente e lança BRIX3000 no Brasil

Publicado em Novidades Por Presoti Comunicacao
No ambiente odontológico é essencial estar atento aos procedimentos que podem evitar problemas e manter em segurança todas as pessoas envolvidas nesse universo. Vamos falar sobre Biossegurança?Leia Mais
Publicado em Novidades Por Orto Dente

BRIX3000: seguro e inovador

03/11/2016 17:41

Sabemos que praticamente todos os campos da medicina e do tratamento dentário avançaram muito nos últimos anos, mas a remoção de cáries, especificamente, sempre constituiu um procedimento traumático para os pacientes. Agora, o tratamento dentário deu um salto incrível com o surgimento de um produto revolucionário, o BRIX3000, que permite tratar cáries de forma rápida, indolor e fácil, além de também dispensar o uso de anestesia. Saiba mais:Leia Mais
Publicado em Novidades Por Orto Dente

Publicações de 1 a 10 de um total de 15

  1. 1
  2. 2
Direção Ascendente